Economia

Governo eleva pauta fiscal e combustíveis ficam mais caros na próxima semana

A tão aguardada redução de preços da gasolina e do diesel anunciada pela Petrobras na semana passada não chegou ao consumidor final de Mato Grosso do Sul, mas os dois combustíveis devem ficar mais caros no Estado a partir de 1º de novembro, em decorrência do reajuste da pauta fiscal dos produtos, autorizado pelo Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) para sete unidades da federação. De acordo com o Ato Cotepe nº 20, publicado ontem no Diário Oficial da União, o chamado Preço Médio Ponderado ao Consumidor Final (PMPF), espécie de preço médio do varejo sondado pela Secretaria de Estado de Fazenda para fins de tributação, deve aumentar 1,05% para a gasolina comum e 1,65% para o óleo diesel.
PUBLICIDADE;
pora tintas

Em valores, conforme tabela divulgada pelo Ato Cotepe do Confaz, significa que o preço médio para comercialização do litro da gasolina passará de R$ 3,5533 para R$ 3,5908 no mercado sul-mato-grossense, enquanto o diesel terá acréscimo de R$ 0,06 no valor, aumentando de R$ 3,2072 para R$ 3,2604. (Correio do Estado).

PUBICIDADE.
pneus-pora

Comentarios

Más popular

Arriba