Economia

Como a dona da Telhanorte e Brasilit cria seus materiais

Quem não se sente desconfortável num ambiente muito quente ou abafado? Ou em um auditório que faz eco? Ou ainda com sons de passos vindos do andar de cima?
EXAME
Por Karin Salomão

PUBLICIDADE.

São Paulo – Quem não se sente desconfortável num ambiente muito quente ou abafado? Ou em um auditório que faz eco? Ou ainda com sons de passos vindos do andar de cima? O grupo Saint Gobain, dono da Telhanorte e da Brasilit, entende muito bem destes incômodos. No seu centro de Pesquisa e Desenvolvimento em Capivari, São Paulo, a companhia cria e testa novos produtos para melhorar o conforto de um ambiente, seja uma casa ou um escritório. Os prédios, segundo Paul Houang, diretor do centro, precisam ter melhores condições térmicas, acústicas e até de qualidade do ar, para aumentar a qualidade de vida. Veja nas imagens por dentro do centro de P&D da Saint Gobain.
2. Inovação

(Karin Salomão/EXAME.com)Inaugurado em abril de 2016, este é um dos oito centros de pesquisa e desenvolvimento que a empresa tem no mundo e um dos mais desenvolvidos. A área do lugar é de 40 mil metros quadrados e a área construída é de 3 mil metros quadrados. Aqui, trabalham 19 pessoas, sendo 11 pesquisadores e 8 técnicos. Por causa do esforço de pesquisa e desenvolvimento da empresa, a cada ano ela registra 350 novas patentes no mundo. A cada quatro produtos vendidos, um foi desenvolvido nos últimos cinco anos.

PUBLICIDADE

================================

Comentarios

Más popular

Arriba