Economia

10 anos de GTPS e o nosso papel no desenvolvimento da pecuária sustentável

Por: Folha de Dourados

Por Francisco Beduschi, Presidente do Grupo de Trabalho da Pecuária Sustentável e Coordenador da Iniciativa de Pecuária Sustentável do Instituto Centro de Vida (ICV)

Em 2017, o Grupo de Trabalho da Pecuária Sustentável completa 10 anos. Uma década de dedicação, empenho, conquistas, desafios e, acima de tudo, de entusiasmo em fazer a diferença e trabalhar em prol de uma pecuária mais eficiente, mais sustentável!
INMOBILIARIA CAPITANBADO
PUBLICIDAD:
“Lo que Buscas,Nosotros Tenemos”

==========================================

Nesse período, junto com representantes de todos os elos da cadeia de valor da pecuária, nos esforçamos para construir e divulgar o conceito de pecuária sustentável. Nossos parceiros e associados, organizados na primeira mesa redonda mundial sobre pecuária sustentável, conquistaram melhorias e benefícios notáveis para o setor, nesse período.

O que era considerado uma utopia no passado, tem se tornado realidade. A comunicação entre os elos da cadeia era incipiente e alcançar o consenso em temas sensíveis e que afetavam todo o setor era algo muito difícil. Com a criação do GTPS, produtores, fornecedores de insumos, instituições financeiras, frigoríficos, organizações da sociedade civil, varejos e restaurantes e instituições de governo, ensino e pesquisa passaram a ter um espaço para debate e construção de posicionamentos que tornaram a cadeia mais preparada para atender às demandas do mercado.

Foram produzidos diversos materiais, promovemos seminários, debates, curso de multiplicadores de tecnologias e boas práticas, dias de campo e divulgamos as boas iniciativas promovidas no país e no mundo. Acompanhamos a evolução do setor ao longo destes dez anos. Vimos nossos membros chegarem ao consenso de que pecuária sustentável é aquela que tem uma boa gestão de todos os recursos envolvidos na produção (financeiros, físicos, humanos e naturais) e que além “da porteira”, a responsabilidade socioambiental não se traduz apenas em controle de fornecimento, ela passa por apoio e engajamento com desenvolvimento da cadeia.

Nos preocupamos em mostrar que a atividade desenvolvida com a adoção de boas práticas agropecuárias que leva em consideração os aspectos econômicos e socioambientais, não é apenas benéfica ao ambiente, mas também ao pecuarista e à sociedade de forma geral.
PUBLICIDADE

Conciliar crescimento da produção com preservação ambiental passa por diversos processos de adequação e intensificação da atividade produtiva – “produzir mais com menos”. Concordamos que intensificar não seja solução para todos os produtores, mas que pequenas adaptações, em especial no que se refere às condições das pastagens no país, são capazes de surtir grandes benefícios ao meio ambiente e, especialmente, ao retorno econômico.

No último ano, o GTPS publicou duas importantes ferramentas de apoio à melhoria contínua e à gestão de indicadores de sustentabilidade – Manual de Práticas para Pecuária Sustentável e o Guia de Indicadores da Pecuária Sustentável. Para 2017, queremos intensificar o que chamamos de “construção conjunta das soluções”. A meta é engajar nossos associados em diversas ações regionais com o objetivo de disseminar o conteúdo e o uso dos nossos materiais.

O GTPS seguirá de portas abertas a todos os atores da cadeia interessados em contribuir com as soluções e inovações propostas para o desenvolvimento sustentável da pecuária brasileira. Reconhecemos os grandes avanços alcançados nos últimos anos, mas sabemos que ainda há um longo caminho a ser percorrido. O importante é que temos convicção de que estamos no caminho certo e com as companhias certas!

Sobre o GTPS

O Grupo de Trabalho da Pecuária Sustentável (GTPS) é a primeira mesa redonda mundial sobre práticas sustentáveis na cadeia da carne bovina e referência para países como Argentina, Uruguai, México e Austrália. É formado por representantes de diferentes segmentos que integram a cadeia de valor da pecuária bovina no Brasil, entre eles indústrias, organizações do setor, produtores e associações, varejistas, fornecedores de insumos, bancos, organizações da sociedade civil, centros de pesquisa e universidades. O objetivo do GT é debater e formular, de maneira transparente, princípios, práticas e padrões comuns a serem adotados pelo setor, que contribuam para o desenvolvimento sustentável da atividade pecuária, trazendo mecanismos para que ela seja socialmente justa, ambientalmente correta e economicamente viável.

Informações:

Site: www.pecuariasustentavel.org.br

Facebook: www.facebook.com/gtpsbrasil

Twitter: @gtps_brasil

ITAPOPO HOME CENTER PJC
PUBLICIDADE:

========================================

Comentarios

Más popular

Arriba