Brasil

Coronel Sapucaia Cidade terá novas eleições depois de TJ recusar contas de ex-prefeito

Coronel Sapucaia Cidade terá novas eleições depois
de TJ recusar contas de ex-prefeito Audiência foi realizada nesta terça e desembargadores seguiram relator 4 OUT 2016 Por ALINY MARY DIAS 11h:00
Rudi teve as contas rejeitadasRudi teve as contas rejeitadas
Eleito neste domingo (2) como novo prefeito de Coronel Sapucaia, Rudi Paetzold (PMDB) teve a prestação de contas da gestão 2009-20012 , quando comandou a cidade, rejeitada pelo Tribunal de Justiça (TJMS) e terá a candidatura cassada. Com isso, novas eleições devem ser convocadas na cidade assim que o resultado da audiência de hoje for notificado ao Tribunal Regional Eleitoral.

Rudi foi eleito novamente prefeito da cidade com 4.454 votos, 57,75% do total. Ele substituiria a atual prefeita Nilceia Alves de Souza (PR), do mesmo partido de Cleversom Bertelli, com quem Rudi disputava a prefeitura neste ano.

As contas de Rudi da época em que ele comandou a cidade já tinham sido recusadas pela 2ª Vara da Comarca de Amambaí, mas o político recorreu ao Tribunal de Justiça, em agosto, alegando que não houve direito a ampla defesa. Assim que o processo foi analisado pelo relator desembargador Eduardo Machado Rocha, houve suspensão da decisão e Rudi conseguiu concorrer à prefeitura.

No entanto, nesta terça-feira houve sessão de julgamento e a maioria dos desembargadores decidiu negar o recurso ao candidato, dessa forma, Rudi não poderá assumir o cargo de prefeito e novas eleições terão de ser convocadas.

A reportagem tentou contato, por telefone, com advogados de Rudi, mas não houve retorno até o fechamento desta reportagem. (Colaborou Izabela Jornada)correio do estado

Comentarios

Más popular

Arriba